Loading...
Artigos

Mato Grosso e o crescimento tecnológico

Crescimento-tecnologico-do-MT

Crescimento tecnológico no Mato Grosso

O Brasil é um dos países que mais se destacam no mercado mundial quando o assunto é a produção a exportação de alimentos. Além do espírito empreendedor típico do brasileiro, responsável por grande parte desse sucesso em crescimento tecnológico, a tecnologia tem um papel igualmente fundamental neste sucesso agrícola.

No entanto, com o crescimento da população mundial e a necessidade de maior lucratividade em espaços de produção cada vez menores, uma vez que é preciso se atentar as regras de preservação ambiental, o grande desafio que os produtores enfrentam atualmente, mesmo diante de todos os avanços na agricultura brasileira, é aumentar a produtividade, e a tecnologia no meio rural tem um papel fundamental nisso.

Importância da tecnologia no campo

O fenômeno de mecanização das etapas de produção agrícola teve início na década de 50, em especial nas fazendas produtoras de café, cuja mão de obra foi e continua sendo escassa. Duas décadas depois, em 1973 foi criada a Empraba, órgão fundamental para o crescimento da agricultura no Brasil.

Hoje, as inovações tecnológicas na agricultura brasileira são muitas e a expectativa é que cada vez surjam mais. No entanto, talvez a parte mais significativa desse fenômeno de mecanização do campo esteja na democratização.

Com o lançamento de diversas linhas de crédito e ações voltadas ao fortalecimento da agricultura familiar, pequenos produtores rurais também têm acesso às sementes melhoradas, plantação e colheita mecanizada, o que na prática se traduz em maior geração de riquezas para o país, alimentos de melhor qualidade e retirada de milhares de famílias de situação de miséria.

Todos esses benefícios propiciados pela evolução tecnológica na agricultura brasileira podem ser observados na prática em um dos estados mais importantes de produção e exportação de produtos agrícolas: o Mato Grosso.

O estado é conhecido por suas impressionantes safras de grãos, em especial a soja. Para se ter ideia dessa importância, em 2016 o valor bruto da produção no estado foi de R$ 70,67 bilhões, um crescimento de 12% comparado ao faturamento do ano anterior, pouco mais de R$ 63,36 bilhões.

Além disso, quando comparado aos demais estados do Brasil, o Mato Grosso é o estado que ocupa o primeiro lugar na produção agropecuária brasileira, ou seja, é o estado que mais gera riquezas a partir da agricultura.

Para alcançar este patamar, aspectos como investimento em pesquisa e inovação em agricultura por meio de instituições de ensino superior, fechamento de parcerias entre esfera governamental e empresas privadas, e democratização de acesso às linhas de crédito para financiar a tecnologia no meio rural foram, são e continuarão a ser fundamentais.

A partir desse exemplo, podemos perceber que as empresas e produtores que não investem em tecnologia estão fadadas ao fracasso, pois o preço da produção não é capaz de competir no mercado atual.

Para entender e exemplificar os pormenores da relação entre tecnologia e produção de riquezas, estamos lançando um projeto altamente inovador em Santiago do Norte, no qual toda a cidade será virtual.

Para saber mais sobre o projeto e poder aproveitar todo o conhecimento e boas práticas geradas a partir dele, fique sempre atento aos nossos canais de comunicação.

2 comments
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *